Olá. We are social. Somos uma agência que promove conversas.

E conversar não é novidade. Nem mesmo a ideia de que o mercado é feito de conversas. Mas conversar é um hábito universal. O que nos levou de Londres para Nova Iorque, Paris, Milão, Munique, Singapura, Sydney e São Paulo.

Acreditamos que conversas podem criar laços verdadeiros. Por isso, ajudamos as marcas a escutarem, entenderem e promoverem diálogos nos ambientes de social media.

Em alguns lugares, já estamos ajudando marcas como: Natura, Moët & Chandon, adidas, Kraft, HP.

Se quiser saber mais sobre a gente, ligue para +55 11 3032 7086 ou envie-nos um email.

We Are Social Mashup #152

por Jéssica Lima em Notícias

Ebola é trending topics nas redes sociais
Desde a primeira suspeita de infecção do vírus no país, o assunto se tornou um dos principais tópicos de discussão nas redes. Na quinta-feira, 09, a palavra “ebola” foi citada 120 mil vezes e a palavra “guiné” foi a terceira mais mencionada no Twitter. Mais uma vez o Twitter está atuando com uma rede informativa em relação aos assuntos do momento.

Segundo turno das eleições nas redes sociais
Como foi mencionado no Mashup #151, os brasileiros e as mídias sociais andam lado a lado, já foram criados memes, gifs biográficos, selfies referentes as eleições, mas agora é a vez dos candidatos também se inserirem na web 2.0 de uma forma diferenciada. Está sendo viralizado um vídeo no WhatsApp criado pelo próprio próprio Aécio Neves falando sobre sua proposta e já subiram o vídeo no Facebook e no YouTube também, mas o buzz mesmo começou no WhatsApp. Não tem como mensurar a efetividade desse vídeo, mas uma idea tão simples conseguiu gerar um buzz muito forte em torno no candidato. Já faz algum tempo que a Política percebeu a importância das redes sociais em suas campanhas, mas o principal é ver como as redes sociais via mobile estão de fato impactando os resultados.

KLM comemora 95 anos com Timeline
A KLM não pare de inovar e nos surpreender com o seu foco em social media e no relacionamento com seu público. Em comemoração ao seu aniversário, a empresa lançou o We Are KLM For You, que mostra em uma espécie de Timeline do Facebook a história da marca durante esses anos. Vale a pena conferir! ;)

Usuários preferem fazer login com Facebook
De acordo com o relatório produzido pelo Janrain, 46% dos usuários preferem fazer login conectando-se com a sua conta do Facebook. Em segundo lugar aparece o Google com 34% e em terceiro está o Twitter com 7%. Parece que o famoso “uso a mesma senha para tudo” se transformou em “me conectei pelo Facebook”. Com esses dados percebe-se que os sites que obrigam os usuários a criarem login e senha sem oferecer a opção do login social estão perdendo novos usuários.

Facebook deve lançar opção de transferência de dinheiro via app Messenger
A contratação do David Marcus, que foi presidente do PayPal, como novo head do app Messenger agora faz sentido. A rede social quer permitir que os usuários enviem dinheiro para seus amigos via o Messenger, o sistema é similar ao enviar uma foto. O usuário pode adicionar os dados do cartão ou usar um que esteja armazenado na rede social (Facebook Ads). Ainda não está claro como o FB vai rentabilizar este recurso, se ele vai cobrar por transação ou será gratuito, então vamos aguardar os próximos capítulos.

Bem vindos a Era do pagamento via Tweet
Agora o Twitter também vai permitir que o usuário transfiram dinheiro. A facilidade de transferências via smartphones já fazem parte do nosso dia a dia, mas será que estamos prontos para transferência via redes sociais? Duas das principais redes sociais acreditam que sim. No Twitter o usuário não tem a necessidade de conhecer os detalhes do destinatário, ele só precisa apenas clicar em “buy”.

Facebook com medo da concorrência, será?
Recentemente um dos casos que chamou atenção foi que o Facebook deletou vários perfis de usuários que estavam utilizando nomes artísticos ou simplesmente não utilizavam o mesmo nome da certidão de nascimento. Segundo as políticas da rede social, é uma exigência ter os nomes verdadeiros inseridos no perfil. Esse ato do Facebook, gerou uma revolta muito grande e muitos usuários acabaram migrando para o Ello (a rede social anti-facebook) que permite o anonimato do usuário. Cris Cox, Chief Product Officer do Facebook publicou no seu Facebook um pedido de desculpas.

E por coincidência ou não, o Facebook acabou de se pronunciar dizendo que vai lançar um app que permite o anonimato. Sendo assim, os usuários que não querem utilizar seus nomes verdadeiros, agora terão toda a liberdade.

Facebook Ads cria geotargeting mais preciso
As empresas que investirem em anúncio agora possuem a possibilidade de filtrar ainda mais o local que esse anúncio irá aparecer. O Foursquare é conhecido por mostrar em um certo raio de distância o que tem próximo do local que o usuário está, o Facebook fará o mesmo, mas com a intenção de enviar um anúncio para esses usuários.


Os anúncios vão invadir o Snapchat
Não adianta, ninguém está salvo dos anúncios. Entretanto, as visualizações dos ads no Snapchat são opcionais, ufa! As redes sociais precisam ganhar dinheiro, então é compreensivo a inserção de mídia. Mas, a mídia não pode ser o centro da rede, a conversa ainda precisa ser a rainha.

Dove promove a autoestima via Snapchat
Muitas marcas entraram no Snapchat para se relacionar com os usuários de uma forma divertida. A Dove é uma das primeiras grandes marcas a investir na rede de forma diferenciada, lançando a campanha “Self-Esteem Weekend”. Conversar publicamente sobre autoestima pode ser intimidante, por isso a ideia de falar sobre isso via Snapchat, no qual a mensagem irá desaparecer em segundos pode ser a solução. Dove e seus embaixadores da autoestima estão respondendo os snaps das meninas com aconselhamentos em tempo real.



Google+ adiciona enquetes
Agora no Google+ os usuários vão poder criar perguntas com até 5 respostas. Não é a novidade do século, mas mostra que a plataforma está se aprimorando cada vez mais.

marcado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

We Are Social Mashup #151

por Ana Flávia Gama em Notícias

Enquanto isso nas eleições 2014…
Antes de começar a das mudanças que o Facebook fez na última semana — sempre tem, né? —, precisamos falar do que foi mais discutido no Facebook e nas redes sociais sobre as Eleições 2014 e os candidatos aos cargos abertos pelo governo. Uma notícias que mais rendeu foi a do ator de Hollywood Mark Ruffalo falando sobre a Marina Silva. Zoeira não tem limites, sim ou com certeza?

ruffalo-marina

#selfienaurna #sqn
Cheguei a ver mais de dez avisos que é crime fazer selfies nas urnas. Mas a zoeira começou cedo com o perfil #selfienaurna no Tumblr mostrando os corajosos que garantiram as suas.

CTR vem crescendo, maaasss…
Quem acompanha o Facebook pelo lado das marcas sabe que o alcance orgânico vem caindo — hoje, está em cerca de 3% da base de fãs e a expectativa é chegar a 0%. Um estudo feito pelo Facebook com 8 mil páginas de marcas, no período de agosto de 2013 a agosto de 2014, mostrou que o alcance caiu 55%. Por outro lado, o Click Through Rate (CTR) aumentou em 48%. Ou seja, quem vê os posts têm clicado neles com mais frequência. Mas isso não é o bastante para nos deixar superanimados: afinal, uma porcentagem maior de cliques de um número menor de fãs não mostra um real crescimento. Estamos de olho!

Like no aplicativo
Quem é desenvolvedor de aplicativos mobile tem mais um recurso atrelado ao Facebook: agora, é possível adicionar o botão de like nos apps. Assim, ao apertar esse botão, os usuários podem curtir a fan page do aplicativo na rede. Com isso e com a fan page do app atualizada — onde é possível divulgar atualizações e dicasos desenvolvedores conseguem manter um relacionamento mais forte e frequente com seus usuários.

FB

O Facebook está preocupado com a sua saúde
Essa rede já sabe muito sobre você: quem são seus amigos, onde você gosta de ir e quais são os seus hobbies. De acordo com a Reuters, agora ele quer saber mais também sobre o seu bem-estar. E vai fazer isso criando comunidades para portadores de alguma doenças para eles possam trocar informações e dar apoio uns aos outros. Outra possibilidade é criar aplicativos de cuidados preventivos para ajudar as pessoas a melhorarem sua qualidade de vida. Será mesmo, gente?

Uma nova experiência no LinkedIn
Um dos maiores investimentos das redes sociais em questão de usabilidade é a newsfeed dos usuários. Como o nome sugere, é lá que ele recebe atualizações e mais informações sobre seus contatos e as marcas/empresas que seguem. O Linkedin vem aprimorando a experiência dos usuários em sua plataforma e lançou o Pulse, que promete facilitar e agilizar a leitura de informações. Apesar do pouco tempo em uso, os resultados já se mostram positivos, com aumento do número de compartilhamentos, mais visualizações dos posts e mais pessoas escrevendo e dividindo suas opiniões.

pulse-500x310

Yahoo! quer “comer” o fantasminha
Muita gente sabe que a lógica do mercado é que as grandes empresas englobem as pequenas que se destacam. O Snapchat vem brilhando sozinho desde o seu lançamento, mas segundo o Wall Street Journal, o Yahoo! estaria disposto a investir US$ 20 milhões com a expectativa de valorização da rede para US$ 10 bilhões. A CEO do Yahoo!, Marissa Mayer, espera que essa previsão de verba não suma como os posts do Snapchat. :P

Segunda tela: parceria do Twitter no Reino Unido
O movimento de segunda tela é tão forte que, recentemente no Brasil, o IBOPE Media fez uma parceria com o Twitter. Nos Estados Unidos, a Nielsen também faz um trabalho semelhante, que analisa como as conversas do Twitter podem amplificar o alcance do impacto da televisão. Agora, chegou a vez do Twitter firmar parceria no Reino Unido por meio da Kantar Media, que vai monitorar as seguintes métricas de engajamento:

  • Número de usuários únicos a respeito de um programa e sua afinidade sobre ele;
  • Audiência única (número de pessoas únicas que visualizaram tweets sobre determinado programa);
  • Número total de tweets;
  • Número de tweets por minuto, com picos de volume.

Conte (cante) a sua música e a sua história
O Spotify é sobre músicas. E músicas estão ligadas a histórias. Para criar sua nova campanha, o Spotify juntou músicas e os sentimentos relacionados a elas. Vai dizer que você nunca lembrou de um verão da infância ou de algum amor adolescente só por escutar determinada música? Por meio da hashtag #ThatSongWhen, é possível contar em quais situações as músicas são mais ouvidas — abaixo, a gente mostra o exemplo de “Girls Just Wanna Have” como uma das mais cantadas em karaokês, mas sabemos que “Fio de Cabelo”, do Chitãozinho e Xororó também faz sucesso hehehe — ou até contar a sua história com ela.

Desafios gastronômicos
A rede de mercados britânica Marks & Spencer — wait for it: uma campanha com influenciadores que os desafiam a preparar receitas com ingredientes fornecidos por eles no papel principal. Abaixo, você pode ter uma provinha (assistir) de um dos vídeos dessa série que chama “Adventures in Food”:

Qual é a cor do mês de outubro?
Rosa! Muitas marcas estão se engajando para ajudar na divulgação da campanha de prevenção do câncer de mama, deixando suas prédios e, claro, seus canais nas redes sociais dessa cor. Mas a Nestlè foi além com sua marca de cereais integral Nestlè FITNESS. Colocou uma câmera escondida no sutiã — pink, claro — e pediu que ela andasse por lugares movimentados de Londres. É engraçado ver a reação das pessoa olhando para o sutiã dela, mas melhor foi a chamada para as mulheres fazerem o autoexame com frequência.

Shame on you, dear passenger
Confesso que conheço os perfil Tube Crush, que mostram fotos de caras gatos clicadas por anônimos nos metrôs de Londres. hehehe Vale a pena dar uma olhadinha. ;) Mas essa ideia de foto anônima ficou mais engraçada com os perfis Passengers Shaming no Facebook, no Instagram e no Twitter. Acontece tanta história inacreditável nos voos que só vendo para as pessoas acreditarem. Pois bem, aqui tem várias provas.

Continue se comunicando mesmo sem internet
Acreditamos muuuuito no poder das redes sociais — vocês sabem disso. Mas quando lemos notícias como estas, temos ainda mais certeza do valor do nosso trabalho: jovem de Hong Kong cria aplicativo que funciona para que as pessoas possam se comunicar entre elas mesmo se não houver acesso à internet — o aplicativo usa o Bluetooth para isso. A ideia surgiu quando ele estava em um protesto e Do jeito que muita gente está questionando a política por aqui também, precisamos baixar o FireChat já. #ficadica

marcado: , , , , , , , , , ,

We Are Social Mashup #150

por Renata Torres em Notícias

Tinder Brazuca
Okay, não é bem assim: o Flert foi criado com o intuito de ajudar as pessoas a conhecerem amigos de amigos que tenham interesses em comum (e não pessoas randômicas numa área de 15km). A criadora do app defende a tese de que o círculo de amigos ainda é o melhor lugar para encontrar uma pessoa legal para se relacionar, ou fazer mais amigos.

flert600

Moeda de troca
Na hora de pagar pela comida, quanto é muito e quanto é pouco? A Seara está disposta a saber qual é o valor para quem quiser comer em seu Social Food Truck, onde um like ou compartilhamento nas redes sociais paga pelo que você for comer.

seara

A caixinha das suas páginas
O Facebook está testando uma novidade com os usuários que são administradores de páginas: a caixa de atividades ‘Suas páginas’. Ela fica do ladinho do News Feed e possibilita ao usuário uma visão geral de sua página sem ter que efetivamente estar na mesma. Nele você vê o contador de likes da página, o alcance dos posts dos últimos sete dias e uma lista de posts recentes; para cada post, o número do engajamento e opção de ativar os ads com um clique.

Ferramentas que piam
O Twitter foi visto testando um esquema de votação embedável com seus tweets, e que linkam diretamente para o site BirdsOps, uma plataforma que possibilita a criação de novas ferramentas agregadas a rede. Atualmente, quando um usuário faz uma pesquisa, seus seguidores podem responder no tweet; se isso for apresentado a todos os usuários, poderá fazer com que aplicativos de terceiros sejam deixados de lado. A ideia é fazer com que os usuários não tenham que ir para sites de terceiros, e continuem sempre no Twitter ao utilizar as ferramentas.

Tumblr.
Não sei se alguém tinha percebido antes, mas acho que não. Sabe o pontinho no fim do Tumblr.? Então, ele está à venda para investidores que quiserem aparecer na página principal da plataforma – eles o chamam de Botão Patrocinado do Tumblr. A pegadinha é que o ad só pode ser feito em datas especiais, como o Dia Nacional do Café – e a Starbucks aproveitou o momento.

tumblr

A ‘sala de guerra’ do Twitter
O Twitter acaba de criar uma ‘sala de guerra’ para ajudar e encorajar investidores a colocarem mais dinheiro em seus ads em momentos especiais. A ideia é transformar o momento importante da marca investidora em um momento importante para todos os seus seguidores. ‘Sala de guerra’ – será que eles queriam causar uma boa impressão?

cats

Mailing no Pinterest
O Pinterest está testando uma maneira nova de fazer ads: o investidor consegue chegar no usuário através de uma base de dados (como um mailing), além de incrementarem tudo com ferramentas de pesquisa para um relatório final. Nice!

Cinema no Twitter
Fontes indicam que a próxima opção de target de ads no Twitter será para fãs de filmes – o que é super interessante, já que muita gente vive compartilhando as coisas que está assistindo. E além disso, uma pesquisa apontou que a rede tem grande influência nas decisões das pessoas que vão assistir filmes novos ou antigos.

Selfielapse
O Hyperlapse mal chegou e já foi atualizado; agora, os vídeos podem ser feitos através da câmera frontal do celular. Agora já dá pra brincar de A Bruxa de Blair!

bwp

Showzinho das férias
O Facebook tá aprontando mais um esquema pra você poder compartilhar aquelas fotos in-crí-veis das férias cozamigue: é um esquema de slideshow, que junta todas as fotos que você colocou na plataforma naquela data específica. Aí, suas fotos viram um filmezinho – hora de começar a prestar mais atenção nas fotos postadas, vish.

vacation

Likes = compras
Um estudo de quatro anos feito na página de Facebook de uma grande rede de supermercados descobriu que fãs página compram 35% a mais do que o consumidor comum. E quanto mais engajado o fã, mais ele está disposto a gastar durante sua compra.

likebuy

O Atlas que segura o Facebook
Quando a gente tá quase achando que não tem mais o que inventar, o Facebook manda uma novidade nova bem na nossa direção; dessa vez é o Atlas, uma nova plataforma de ads que permitirá aos investidores a criarem ads em outros sites que levem diretamente para a página na plataforma. Espero que o Atlas tenha sido criado para sustentar todo o peso do Facebook nos ombros, senão vamos precisar de um novo herói.

atlas

BMW no Vine
O Vine tem se mostrado útil para muitas coisas além de piadinhas e vídeos curtos pra gente assistir até fazer xixi na calça de tanto rir; uma dessas utilidades é mostrar como as coisas funcionam, tipo aquele vídeo em slow-motion de uma bexiga cheia de água estourando. Aproveitando isso, a BMW resolveu mostrar como seu novo carro, o i3, é espaçoso e prático.

Ello
Tudo começou quando anunciaram que o Orkut seria abolido da internet (por acaso, isso vai acontecer hoje). Em seguida, todas as redes resolveram que a monetização era o melhor caminho e começaram a incentivar investidores a estarem em suas plataformas. Demorou, mas os novos hipsters chegaram: Ello, uma rede sem ads – ou como eles mesmos descrevem “Ello is a simple, beautiful, and ad-free social network created by a small group of artists and designers.”

ello-100457685-large

 

Vamos apenas lembrar que: o Facebook, assim como todas as plataformas sociais disponíveis atualmente, também já foi simple, beautiful e ad-free.

É hora de dobrar!
Ou então, #bendgate – a hashtag mais famosa relacionada a Apple desde o lançamento do novo iPhone 6. Eis que o novo aparelho foi lançado e todos podiam até ouvir os anjos cantando quando, de repente, descobriram que se você deixasse o celular no bolso (especialmente o de trás) ele começaria a dobrar – alguém mais lembra de quando isso aconteceu com o iPhone 4 uns dois anos atrás? Mas como muitas vezes acontece, dessa vez o importante foi o buzz que o #bendgate gerou nas redes sociais; e o fato de que alguns foram muito bem pensados.

 

 

 

We Are Social Mashup #149

por Bruna Toni em Notícias

Facebook atualiza aba de “aplicativos” para dar mais controle ao usuário
O Facebook redesenhou a aba de aplicativos – dentro das configurações – tornando mais fácil para os usuários gerenciarem suas permissões, bem como excluir os apps que não são mais usados. Nesse espaço é possível visualizar todos os aplicativos ligados à conta em questão, alterar recursos e personalizar a página.

fb

Facebook lança plataforma “Facebook Media”
A rede lançou o Facebook Media, um novo canal voltado especificamente para figuras públicas, organizações e empresas de mídia. O objetivo é ilustrar exemplos em destaque, mostrar novas tendências de como as empresas e figuras públicas estão usando o Facebook para se conectar com seu público, bem como ajudá-los a utilizar a plataforma.

FacebookMedia650

Atualização no Dashboard de anúncios do Twitter
O Twitter anunciou uma atualização no seu dashboard de anúncios, oferecendo aos anunciantes mais ferramentas para administrar suas campanhas direcionadas. O novo gerenciador de audiência permite visualizar, alterar e eliminar – em um só lugar – todos os detalhes do target em questão. Além disso, é possível receber notificações do status desses públicos específicos, criar listas direcionadas com base nos números de celular dos clientes e IDs de anúncios móveis para iOS e Android.

Facebook cria “Moments”. Será?
O canal está supostamente trabalhando em um novo aplicativo chamado “Moments”, concebido para incentivar o compartilhamento de conteúdo privado entre amigos e familiares. A suposta ideia por trás é ajudar os usuários que desejam compartilhar conteúdo íntimo com contatos próximos, mas não conseguiram por conta das configurações de privacidade cada vez mais complicadas dos sites.

homepage-billboard-v62c6b1ef

Usuários verão somente os tweets links no desktop
O Twitter removeu seus tweets embedados do desktop, assim os usuários ainda podem ver os tweets links, mas os “thumbs” não serão visualizados.

Antes era assim:
t1E agora ficou assim:
t2

Twitter atualiza aplicativo para iPhone
O Twitter atualizou seu aplicativo para iPhone com perfis completamente redesenhados,  que enfatizam as bios, as fotos e os tweets favoritos dos usuários; além dos seus próprios tweets. Os “novos” perfis mostram as bios dos usuários no profile view e incluem três tabs: os tweets; as fotos – exibindo as imagens que você tuittou e favoritos, mostrando os tweets você favoritou. O aplicativo está disponível para usuários do iOS (com o 7 ou superior).

ios-8-twitta

Mais uma mudança no algoritmo, isso é tão “soo last season”.
A rede social realizou um novo ajuste no algoritmo do feed de notícias que deve  afetar o tipo de conteúdo que aparece no feed de notícias e o tempo que ele ficará em destaque no topo da sua timeline.  Para determinar qual história ficará em destaque serão utilizados dois critérios: presença do assunto entre os mais falados (trending topics) e a quantidade de interações que o post recebeu logo que ela foi publicada. Trending topics, conteúdos mais recentes no topo do feed de notícias, realmente o Facbeook está seguindo alguns passos do Twitter.

facebook-algoritmo-trending

YouTube aperfeiçoa painel de analytics
O YouTube adicionou novos relatórios em tempo real para seu painel de analytics. Isso proporcionará ver a contagem por minuto dos seus vídeos. Por default a nova seção no dashboard mostra seus últimos cinco vídeos publicado (mas você pode procurar por vídeos antigos). A interface tem dois gráficos: os dados de hora em hora para as últimas 48h e as figuras minuto-a-minuto para a última hora.

Pinterest divulga suas mudanças recentes
A rede compartilhou seus últimos planos para os “pins promovidos”, além da atualização da sua Política de Privacidade que acontecerá no dia 19 de outubro – refletindo essas mudanças. O objetivo é tornar esses “pins promovidos” mais relevantes para os usuários e ajudar os investidores a entender como os anúncios impactam seus negócios. Será coletado também dados de log, de cookies e informações do dispositivo. No entanto, ainda não está claro se os usuários que não gostam da idéia de serem rastreados poderão gerenciar suas configurações de conta e até que ponto isso será eficaz.

Estamos gastando mais tempo do que nunca usando aplicativos móveis
O tempo gasto com aplicativos móveis aumentou 21% em comparação ao ano passado, sendo música, fitness e mídia social os mais altos do pódio. Apesar de vir em terceiro lugar, se pensarmos no tempo médio gasto com apps (depois das categorias de música e fitness); quando se trata de lançamentos (ou seja, abrir o aplicativo em si) redes sociais é líder do cenário, com uma média de 25,1 lançamentos por mês. O tempo gasto em aplicativos já ultrapassou web desktop e este número só vai continuar a crescer, de acordo com Localytics – que realizou a pesquisa .

apps-engagement

Pequenas e médias empresas são as que mais investiram em mídias sociais
A empresa de pesquisas BIA/Kelsey revelou que 74,5% das pequenas e médias empresas usam as mídias sociais para anunciar ou promover seus negócios, ultrapassando os 71,7% do ano passado. Ao mesmo tempo, as PMEs estão gastando menos em publicidade impressa e outdoor. Steve Marshall, diretor de pesquisa da BIA/Kelsey explicou que “Impressos e Outdoor, em conjunto, trocaram de posição com Social em termos de alcance e participação dos gastos”, descrevendo Social como conveniente, user-friendly e barato, além de baixas barreiras à participação.

Captura de Tela 2014-09-23 às 8.24.26 PM

O infográfico com dados das eleição
Veja a repercussão em tempo real do que está acontecendo nas redes sociais em relação às eleições, no infográfico desenvolvido pelo Social Bakers, clique aqui.

Captura de Tela 2014-09-23 às 8.09.42 PM

Nova rede social para ricos cobra R$ 21 mil por inscrição
Para quem tem a conta bancária com muitos dígitos, existe uma nova opção de rede social que promete mais “exclusividade”: a Netropolitan. A taxa de inscrição é de US$ 9 mil; após o primeiro ano a anuidade cai para US$ 3 mil. Lançado dia 16, o serviço é inacessível para quem não estiver cadastrado e está fora das ferramentas de busca. Além disso, os anúncios só são permitidos em grupos específicos, com regras rígidas. A privacidade também é algo importante: o número de usuários cadastrados e as celebridades no site não serão revelados. O objetivo, é, segundo a companhia, “conhecer indivíduos que pensem igual a você ao redor do mundo que compartilhem seu estilo de vida e interesses”.

marcado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

We Are Social Mashup #148

por Jéssica Lima em Notícias

Facebook competindo com YouTube
Facebook se junta ao Yahoo para também ser uma plataforma de distribuição de vídeo online,  a rede social já está se aproximando dos maiores produtores de conteúdo do YouTube, sendo assim os vídeos mais populares do YouTube podem ser colocados no feed de notícias. Essa competição não é uma surpresa, mas será que os usuários estão preparados para abrir o Facebook para assistir vídeos? Um coisa podemos concordar, as marcas estão desviando o foco de transmissão de TV para vídeo online, ou seja mais investimento em produção de conteúdo online (YouTube) está por vir.

Facebook “I wanna be” Snapchat
Facebook está testando um novo recurso para o iOS, no qual você pode agendar o horário que o post será deletado. O prazo de expiração vale de 1 hora a 7 dias, é um recurso que pode ser interessante para as marcas utilizarem. O Facebook já tinha tentando criar algo parecido em Junho, quando lançou o app Slingshot.

snap

Facebook Messenger permite usuários desenharem
Facebook lançou uma atualização do seu app Messenger para Android permitindo que os usuários editem fotos da galeria no seu dispositivo, desenhando ou escrevendo sobre elas.

AndroidMessengerPhotoEditing650

Compre uma Budweiser por meio do Facebook
Budweiser está investindo no social commerce lançando dois novos programas no Facebook. O programada “Bud Light Birthday” permite que os usuários distribua um cupom para seus amigos aniversariantes (acima de 18 anos), já o “Bud for Buds”, permite os usuários comprarem cupons e enviarem para seus amigos. Não é nenhuma novidade entregar cupons via Facebook, mas a ideia de ser algo permanente, no qual os usuários podem de fato pertencer a uma da marca via Facebook é promissor.

budweiser

Facebook quer mais feedbacks
Existe tanto anúncio no Facebook, que muitos usuários estão reclamando da plataforma. Pensando nisso, a rede social está cada vez mais querendo aprimorar a relevância da mensagem que ele impõem (mídia) para o usuário. Atualmente, o usuário tem a liberdade de “ocultar” um anúncio que ele não gostou ou não quer mais receber, a partir de agora quando o usuário clicar em “ocultar” o Facebook vai perguntar o “por quê?”.

Topshop lança sua nova coleção no Facebook
A Topshop do Reino Unido lançou sua nova coleção exclusivamente no Facebook e logo após o show, os usuários já podiam comparar as peças. A Topshop redefine o “fast-fashion”.

As mídias sociais e o mundo da moda estão cada vez andando mais  juntos. No New York Fashion Week o volume de menções aos patrocinadores do evento, como WGS, Samsgung e Mercedez-Benz cresceram em 1113% no Twitter. 

A zueira não pode parar nunca!
A Apple lançou recentemente o novo iPhone 6, iPhone 6 Plus e o Apple Watch, tudo junto no evento sendo acompanhando pela hashtag #AppleLive e como a internet brasileira é bem participativa os melhores tweets foram publicados:

 

 

 

Apple Watch terá aplicativos sociais
O Apple Watch só será lançado ano que vem, mas o Facebook Yahoo, Pinterest e Twitter já estão desenvolvendo seus aplicativos para o dispositivo. Imagina receber as notificações do FB ou até mesmo poder ver a sua timeline no Twitter. Nenhum dos canais anunciou se incluirão mídia no app, ainda bem, né! O lançamento do Apple Watch  gerou mais de 336.000 menções no Twitter, e o 1 milhão de menções foram realizadas sobre o iPhone 6, que foi lançado no mesmo dia. Tela pequena vs. tela grande, qual é a sua aposta para o ano que vem?

Compre com apenas um clique
A Apple lançou um serviço no iPhone 6 que permite o usuário efetuar pagamentos pelo smartphone, utilizando o app Passbook que armazena as informações do cartão de crédito. Seguindo no mesmo raciocínio, o Twitter lançou o “Twitter Commerce”, um programa que permite comprar produtos diretamente do app.

#IceBucketChallenge bate recordes
O “desafio do balde de gelo” bateu 1 bilhão de visualizações no YouTube e se tornou a campanha mais vista, superando o fenômeno “Harlem Shake”. Acredito que o mais importante desse resultado é que o #IceBucketChallenge tinha uma iniciativa para angariar fundos para combater a esclerose lateral amiotrófica, muitos se falou que a maioria dos participantes do desafio não doaram dinheiro, mas existe pessoas que doaram e até o momento já foi arrecadado mais de US$ 100 milhões.

Quer encontrar a agência perfeita?
Conheça o app Pitcher, que ajuda as empresas a encontrar a agência mais parecida com o perfil dela. O app só funciona em Amsterdã e é bem parecido com o app Tinder, você consegue criar uma lista de top 5 agências e enviar um email diretamente para elas ou ligar. Bem vindos a era da modernidade!

Pitcher – Tinder for Marketeers from Woedend! on Vimeo.

Voto Consciente
Foi criado o game Angry Politics, baseado no jogo Angry Birds, que coloca em evidência a importância do voto. O jogo é bem simples, e o usuários pode escolher um candidato e derrubar itens empilhados no Rio de Janeiro. O app não foi atualizado com a entrada da Marina na corrida presidencial, mas mesmo assim a ideia continua super válida. Bora jogar?

angry-politics-final

marcado: , , , , , , , , , , , , , ,